Seja bem vindo ao meu espaço :)




terça-feira, 30 de junho de 2009

A INFLUÊNCIA DO GUARDA-REDES

Nos dias de hoje o guarda-redes já não serve para defender bolas, com as alterações nas leis de jogo, com a aposta dos clubes em treinadores de guarda-redes que melhoraram a sua qualidade de treino os guarda-redes são hoje os primeiros avançados da sua equipa.
O guarda-redes é hoje quase um jogador de campo, muito mais participativo no jogo, é o ultimo no aspecto defensivo mas está também presente em todas as fases do jogo, sejam defensivas ou ofensivas, um lançamento rápido de contra-ataque pode dar a vitoria a sua equipa.
Por vezes não se dá atenção as suas acçoes mas eles podem colocar algumas acções tácticas ofensivas como um ataque elaborado, como por exemplo a saída de um canto em que o GR bloca a bola e executa a saída de bola mediante o aspecto táctico treinado durante a semana, outra das suas acções é o contra-ataque, quantas vezes um pontapé longo e preciso executado com rapidez não apanha a equipa adversária desprevenida, outras das suas acções pode ser as temporizações, como o GR está muitas vezes com a bola e dependendo da situação de jogo, por ex. se está a vencer , pode realizar contemporizações ofensivas, aguentando o máximo possível a bola ganhando assim preciosos segundos ou então esperar que a sua equipa se posicione adequadamente no terreno de jogo.
Um guarda-redes tem que ter características que considero essenciais, uma grande capacidade de liderança para corrigir e posicionar os seus colegas durante o jogo, uma boa presença física para se impor na área, na actualidade ter um bom jogo de pés, ser inteligente para as tomadas de decisão correctas e ter uma visão de jogo muito boa que lhe permita ajudar a sua equipa tanto nos aspectos ofensivos como defensivos.

5 comentários:

Luis Manuel disse...

Amigo João este é um tema que me interessa por estar ligado ao treino de guarda-redes como sabes.
Sem duvidas que tens razão no que escreves.
A evolução que houve ao longo dos tempos no treino de guarda-redes permitiu a estes a sua evolução e chegar ao limites das suas capacidades e são hoje o ponto principal de uma equipa.
um dos aspectos muito importante hoje nos guarda-redes é a reposição de bola, e nesse caso chamo especial atençao para a escola de guarda-redes brasileiros mas sem duvia aquela que mais me fascina é sem duvida a italiana, o nivel deles é elevadissimo e mesmo em equipa de segunda divisão estão excelentes guarda-redes.
Bom post.
abraço

KEEPER disse...

Mister parabens pelo post!
não é a primeira vez que fala de guarda-redes e como guarda-redes fico contente por o fazer!
de certeza que sabe que mesmo a nivel de 3 divisões não é facil existir um treinador de GR para nos, como tal o basico do treino é uns cruzamentos e uns remates o que é muito basico para um GR se quiser evoluir e depois as vezes nem nos deixam trabalhar na baliza que é o nosso lugar por causa de poupar a relva.
So treinando em condiçoes podemos evoluir.
Mister podia deixar alguns exercicios tambem pra o treino de GR.
abraço

Diogo de Melo disse...

Só não percebo pk k na maioria dos treinos de GK não há um treino expexifico, mas bem estruturado, de potencialização de velocidade de reacção. No meu caso, em certos execicios, baseio-me em treinos militares de pilotos, de lutadores, etc! Pensem bem nisso... já sabem... que "Quem só sabe de futebol, de futebol nada sabe"

Carlos Guerreiro disse...

Boas João.
O guarda redes tem o privilégio de, em 99% do tempo de jogo, estar a ver os restantes 21 jogadores em campo. As suas movimentações, os seus posicionamentos, os espaços que criam quer em ataque quer em defesa, etc.
A capacidade de liderança é fundamental, tendo contudo o cuidado no modo como faz as correcções aos companheiros. Pessoalmente não gosto do GR após efectuar uma defesa, sair a gritar e a gesticular com os colegas, como que a isolar-se dos erros dos colegas e a querer por vezes o protagonismo. É um erro. O colega que falhou, foi o 1º a saber que cometeu o erro! Se já está fragilizado, não necessita de uma correcção "para toda a gente ouvir", que concerteza o intranquilizará ainda mais. Dou 2 exemplos: Schemeichel. Grande líder, mas com este grande defeito. Helton: Excelente líder mas com o sentido positivo bem presente. Contudo, GR e defesas deverão ser os homens mais responsáveis em campo. Como central que fui, sei bem o que significa essa responsabilidade, pois as falhas não têm praticamente solução. Abraço

Anónimo disse...

NAO PROCURES MAIS VISITA hosoccer.blogspot.com AS MELHORES LUVAS SO PARA OS MELHORES GUARDA-REDES CONTAC: luismiguelanselmo@gmail.com O TLM-968809384